Ar-condicionado 15/02/2022 | 4 min. de leitura

Qual a relação entre ar condicionado sujo e doenças?

No verão, só ar condicionado pode aliviar um pouco o calor e refrescar o ambiente. Nesses dias quentes, temos o costume de deixar ligado durante o dia e a noite. Sabendo disso, não podemos esquecer da higienização correta do aparelho para evitar que o ar condicionado sujo gere doenças.

Os maiores riscos são as doenças respiratórias, principalmente para as pessoas que já são alérgicas. Ácaros, fungos e algumas bactérias podem se acumular nos filtro, agravando essas doenças. Por isso, fazer a manutenção do ar condicionado periodicamente é tão importante.

Doenças que podem estar relacionada ao ar condicionado sujo

O ar no aparelho sujo pode causar ressecamento do muco pulmonar, a mucosa nasal tem a função de filtra as impurezas trazidas pelo ar, assim, com as mucosas ressecadas, a filtragem fica comprometida, aumenta o risco de contrair infecções. Confira as principais doenças que podem estar relacionada ao ar condicionado sujo.

Rinite alérgica

A rinite alérgica é a inflamação da mucosa nasal. É caracteriza pela obstrução do nariz, coriza, espirros recorrentes e coceira (nos olhos, nariz, garanta e ouvidos).

A rinite pode ser provocada por diversas substâncias no ambiente que são alergênicas, como poeira e ácaros.

Amigdalite
Amigdalite é a inflamação dos gânglios linfáticos que estão no fundo da garganta. As amígdalas têm função de defender o organismo de infecções de bactérias e vírus. Porém, se a pessoa tiver um sistema imunológico baixo, essas bactérias e vírus podem entrar no organismo deixando as amigdalas inflamas.

Asma

É uma inflamação crônica nos pulmões, os asmáticos apresentam dificuldade para respirar, sensação de pressão no peito e falta de ar, é comum as pessoas com asma terem esse histórico familiar da doença ou já tiveram infecções respiratórias na infância.

Os fatos mais comuns que causam as crises de asma são: se expor aos alérgenos inalantes como ácaros, fungos (que podem estar no ar condicionado sujo), pelos de animais e etc.

Doença do legionário

A doença do Legionário ou Legionelose é uma pneumonia severa, causada pela bactéria Legionella pneumophyla e outras Legionella. As bactérias geralmente se reproduzem por meio de sistemas de ar condicionado.

Geralmente, os sintomas dessa doença são tosse, falta de ar, dor no peito, infecções em feridas. A forma mais leve da doença é conhecida como febre de Pontiac, que pode trazer sintomas como dores musculares, febre e calafrios.

Quando é necessário fazer a limpeza do ar condicionado?

A limpeza do ar condicionado deve ser realizada de acordo com o consumo. Ou seja, quanto mais utilizado, maior a necessidade de fazer uma manutenção. Em ambientes corporativos, por exemplo, é recomendável a limpeza semanal dos filtros, já que a utilização é intensa. Ou conforme recomendações do manual do Fabricante.

A manutenção do ar condicionado pode ser feita de duas formas:

Manutenção preventiva de ar condicionado

A manutenção preventiva é uma maneira eficaz de baixar custos e garantir o bom funcionamento do seu aparelho. Dessa forma, pode-se evitar reparos e correções não programadas. Também necessário para prevalecer a garantia do fabricante.

Manutenção corretiva de ar condicionado

Já a manutenção corretiva é realizada quando o ar-condicionado apresenta um problema mais técnico. Desde reparos em uma ou outra peça ou até mesmo em todo o sistema.

São manutenções que podem acontecer devido ao mal funcionamento do ar-condicionado, visando a identificação do problema e o conserto imediato desse sistema.

Leia mais:

A limpeza periódica é fundamental para que o ar condicionado tenha bom desempenho

Busque um profissional e assistências técnicas especializadas credenciada a marca, para que seu ar condicionado continue com o máximo de sua performance, com uma temperatura ideal para o ambiente que está instalado e para manter a garantia do fabricante.

Respeite todas as etiquetas de aviso do fabricante. O ideal é procurar uma assistência técnica credenciada para diagnosticar um eventual problema. Sendo assim, torna-se importante a realização da manutenção. 

Lembre-se que cada modelo de ar-condicionado apresenta especificidades diferentes. Dessa forma vale verificar no manual do aparelho a frequência correta de manutenção.

Veja a seguir alguns modelos da Elgin que vão lhe atender nesse verão e acesse nosso site  para conferir outros produtos que possa te atender no dia a dia.

Eco Inverter

Com design clean, o Eco Inverter está disponível nas versões Frio e Quente/Frio. Conta com display de temperatura invisível – só aparece ao ligar e é possível desligá-lo apertando a tecla “Screen”.Filtro Ion Air. Elimina 99% de vírus, bactérias e ácaros do ambiente. Mantém a temperatura desejada e economiza até 40% de energia

Inverter Eco Life

O Inverter Eco Life tem capacidade de 9.000 a 24.000 BTU/h, o Inverter Eco Life conta com um baixo nível de ruído devido a Tecnologia Inverter e ainda é muito mais econômico por fazer menos força para funcionar, consumindo menos energia elétrica.

O ar-condicionado Inverter Eco Life conta com controle remoto e manual de instruções totalmente em português, tornando mais fácil e prático o uso no dia a dia.

Cassete Inverter

A linha Cassete Inverter trabalha com gás ecológico R-410A e possui um design elegante capaz de refrigerar diversos ambientes de médio a grande porte. Também tem capacidades de 36.000, 48.000 e 60.000BTU/h, na versão frio.

Gostou do post? Leia mais sobre o assunto:

Mais Vistos

Conecte-se com a Elgin

Cadastre-se e receba novidades e promoções por e-mail.