Ar-condicionado 18/02/2022 | 3 min. de leitura

Ar-condicionado no verão: saiba como utilizar

Higienizar de forma intensa o aparelho antes do início da estação mais quente é importante

O uso de ar-condicionado no verão vem crescendo com força em todo o Brasil já há muitos anos. Essa tendência não foi interrompida pela pandemia, a qual se iniciou no Brasil em fevereiro de 2020; pelo contrário, foi acentuada.

Obrigadas a passar muito mais tempo em suas casas e apartamentos devido à necessidade de isolamento social, parte da população brasileira adquiriu um ar-condicionado pouco antes do verão de 2020 ou pouco antes do verão de 2021, visando tornar sua residência mais confortável nesses períodos.

Porém, justamente por ser a época do ano na qual é mais exigido, o ar-condicionado no verão demanda alguns cuidados e atenções específicas.

Vamos, agora, conhecer estes requisitos de uso do aparelho entre 21 de dezembro e 21 de março (o espaço de tempo no qual o verão acontece no Brasil).

Micropartículas no ar em ambientes fechados

Segundo a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), 99% das partículas que respiramos são invisíveis. E quanto menores elas são, maior é o risco que causam à saúde.

O ar-condicionado no verão é intensamente usado. Isto é bom – mas traz um inconveniente: tais aparelhos, ao refrigerar o ar de um recinto fechado, também dispersam tais micropartículas pelo recinto e induzem a que as pessoas ali as respirem.

Ao contrário do que geralmente se pensa, o ar de ambientes fechados pode ser até cinco vezes mais nocivo do que o ar nas ruas. E o ar-condicionado no verão (e em outras estações do ano) pode acentuar tais malefícios.

Leia também

Como lidar com esta e outras questões trazidas pelo uso intensivo do aparelho em tal época do ano?

Descubra a resposta a seguir.

As 7 dicas principais para lidar com o ar-condicionado no verão

O aumento da temperatura, em especial em ambientes internos, é um problema subestimado no Brasil – que sempre foi um país quente, e devido às mudanças climáticas das últimas décadas, se tornou mais quente ainda.

Ter um ar-condicionado, hoje, está cada vez mais longe de poder ser considerado um luxo em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Manaus ou Porto Alegre – é, isto sim, uma necessidade.

Mas, ao adquirir um ar-condicionado no verão e instalá-lo em seu lar, tenha em mente os seguintes pontos:

  • Evite posicionar o aparelho de modo a que ele ventile diretamente em você – o ar-condicionado refrigera todo o ambiente, portanto isto não é necessário;
  • Não deixe o ar-condicionado exposto diretamente ao sol. Isso contribui para a economia de energia e aumenta a vida útil do equipamento;
  • Atenção – se você costuma usar o ar-condicionado apenas no verão, faça uma boa limpeza nele antes de religá-lo; mesmo inativo, o equipamento continua acumulando germes e poeira em seu interior;
  • No verão, coloque o aparelho entre 20°C a 24°C de temperatura. (temperatura considerada de conforto) É o suficiente para que você se sinta bem, sem que sofra algum tipo de choque térmico;
  • Lembre-se – frio em excesso faz tão mal à saúde quanto calor em excesso. Use o ar-condicionado com moderação;
  • Às vezes, um ar-condicionado contribui para tornar mais seco o ambiente. Um umidificador de ar ou Climatizador pode resolver esse problema, acrescentando umidade ao ambiente.;
  • Não é necessário manter o aparelho ligado a noite inteira. Quando seu quarto atingir uma temperatura agradável, desligue o ar-condicionado e durma.

Grupo Elgin: larga experiência com ar-condicionado

Caso você deseje saber mais sobre ar-condicionado no verão, vale a pena falar com a Elgin.

A Elgin existe há mais de 70 anos e conta com um portfólio que contém itens tais como ar-condicionado, energia solar, automação comercial, iluminação, informática, pilhas e carregadores, refrigeração etc.

Mais Vistos

Conecte-se com a Elgin

Cadastre-se e receba novidades e promoções por e-mail.