Ar-condicionado 27/02/2021 | 9 min. de leitura

Quais os tipos de ar-condicionado?

imagem de ar-condicionado
Imagem meramente ilustrativa (Banco de imagens: Shutterstock)

Conheça os diversos tipos de ar-condicionado e veja qual o melhor para você

Quais os melhores tipos de ar-condicionado? A resposta é simples: são aqueles que melhor se adaptam à sua necessidade. É normal ficar confuso quando se começa a pesquisar sobre ar-condicionado e se depara com centenas de informações. O que é o tal de split? Inverter? São muitos nomes e muitos detalhes para aprender. 

Acaba que tomar uma decisão e escolher o melhor modelo fica mais difícil com tantas opções e características únicas.  Com esse conteúdo, você vai dar o primeiro passo na direção da sua compra: decidir o tipo de ar-condicionado.

Que tipos de ar-condicionado existem?

Existem diversos tipos, e cada um tem suas próprias características que os tornam únicos. Se você quer um para uso individual, o mesmo não irá servir para climatizar o resto da residência. Por isso, é importante conhecer todas as opções, para tomar a decisão certa na hora da compra. 

Podemos dividir os ares-condicionados residenciais e comerciais em três tipos

  • Ar-condicionado de janela 
  • Ar-condicionado portátil 
  • Ar-condicionado split e suas variações

Ar-condicionado de janela 

O ar-condicionado de janela é o modelo mais clássico. Ele é composto por uma única peça que é embutida em uma parede. 

O modelo tem um sistema de escape de ar quente voltado para fora e o sistema de ar fresco voltado para dentro. São boas opções para climatizar quartos e ambientes pequenos. 

Esse tipo de ar-condicionado costuma ser mais acessível financeiramente do que outros tipos. Além disso, ele costuma ter uma instalação muito mais simples do que um modelo de split, por exemplo. 

Porém, por ser feito de uma tecnologia mais antiga, é mais barulhento e consome mais energia que os demais modelos. 

Ar-Condicionado Portátil 

 

Para quem procura praticidade, o ar-condicionado portátil é a melhor opção no mercado. O aparelho não requer nenhuma instalação permanente, sendo possível transportá-lo para qualquer ambiente. 

A única necessidade do portátil, é que ele precisa ser colocado próximo à janela para que possa absorver o ar quente do ambiente e ventilar esse ar para fora.  

O maior benefício do ar-condicionado portátil é a sua mobilidade e praticidade, ideal para quem deseja um aparelho que não tenha necessidade de instalação e queira mover o aparelho entre os ambientes. 

Ar-Condicionado Split High Wall 

O que é um ar-condicionado split high wall? Esse é o modelo mais popular, sendo encontrado na maior parte das residências e dos comércios. Recebe o nome de split porque é dividido em duas unidades: condensadora e evaporadora.

E o que é high wall? Usa-se esse termo pois esses aparelhos costumam ficar no topo das paredes internas das casas e apartamentos.

A condensadora é a parte externa do ar-condicionado, que tem como principal função resfriar o ar. A evaporadora é parte interna, que é responsável por distribuir o ar dentro do ambiente. 

As duas unidades devem ser conectadas por tubulações frigorígenas, que fazem o gás refrigerante circular entre as duas partes. 

Por ser um pouco mais complexo de instalar, o split high wall necessita de um profissional qualificado para realizar a instalação. Além disso, os modelos de split costumam ser fabricados em duas diferentes tecnologias, a convencional e a inverter. 

Convencional x Inverter

Há várias diferenças entre o ar-condicionado inverter e o ar-condicionado convencional, diferenças pequenas e algumas grande. 

Em um modelo convencional, ocorre o funcionamento intermitente de energia, o compressor funciona ligando e desligando, para manter o ambiente climatizado. Como resultado, o ar-condicionado tem picos de energia, aumentando o consumo de eletricidade, e causando maior variação na temperatura do ambiente. 

Enquanto no inverter, o compressor consegue variar sua capacidade e então atingir a temperatura desejada rapidamente, mantendo estável e economizando no consumo de energia elétrica. 

Os aparelhos convencionais têm um jato intenso de ar, fazendo com quem esteja mais próximo ao equipamento fique mais incomodado. 

Já no ar-condicionado inverter, o ruído é muito menor, pois o compressor funciona em menor rotação. Tornando o inverter ideal para ambientes que necessitem de silêncio, como quartos, garantindo uma boa noite de sono. 

Além disso, o ar-condicionado inverter é menos poluente para o meio ambiente, em razão do gás utilizado no aparelho, o R-410a, que não agride a camada de ozônio pois é livre das moléculas de cloro. 

O split possui variações de modelos, podendo ser para residências ou para comércios. Confira abaixo os tipos de ar-condicionado split:

Piso Teto

O piso teto é um ar-condicionado grande e que pode ser usado tanto no chão quanto na parede, por isso o nome. 

Ele é recomendado para ambientes comerciais, pois ele conta com um fluxo de ar maior do que os outros. Mas também pode ser usado em ambientes residenciais muito amplos, com um pé direito alto. A maior vantagem do piso teto é a sua flexibilidade instalação, que permite ser colocado no solo ou em uma parede. 

Multi Split

O multisplit funciona como um modelo normal de split, a maior diferença é que ele pode ser composto por uma condensadora (externa) e até cinco evaporadoras (internas), ou seja, é possível climatizar até cinco ambientes

Mas e em relação a potência de BTU’s das evaporadoras? É comum pensar que ao adquirir um multisplit todas as unidades evaporadoras terão a mesma potência, mas não, cada unidade pode ter seu próprio BTU. 

Outra dúvida frequente é se o multisplit consome mais energia por contar com mais unidades. A realidade é que não, alguns contam com as funcionalidades de timer e sleep, além da tecnologia inverter. O único fator que pode causar alto consumo de energia é um erro no cálculo de BTU’s.

O modelo é indicado para quem precisa refrigerar vários ambientes, e não tem espaço para instalar várias condensadoras ou não quer modificar muito a parte externa. O multisplit é ideal para apartamentos, pois consegue refrigerar até 5 ambientes e ocupando menos espaço. 

Cassete

O cassete é um modelo ar-condicionado split que é instalado no teto ou no forro do ambiente. O aparelho suga o ar quente que fica na superfície do espaço e evapora o ar refrigerado, que por causa de sua densidade, se mantém próximo ao o solo. 

A grande vantagem do cassete é a sua eficiência em ambientes espaçosos. Não é a toa que os modelos contam com uma potência de BTU’s mais alta do que os outros modelos. 

Outra grande vantagem dele é a sua distribuição de ar, pois ele conta com aletas em todos os cantos, permitindo um melhor direcionamento de ar.

Cortina de Ar

Sabe quando você entra em um estabelecimento e sente aquela mudança imediata na temperatura? Essa é a função da cortina de ar. Geralmente o aparelho é colocado por cima de uma porta, para que impeça a saída do ar refrigerado e bloqueie a entrada do ar quente externo. 

A cortina de ar funciona evaporando um jato de ar muito potente que cria uma barreira, criando um isolamento térmico dentro do ambiente. 

É importante ressaltar que a cortina de ar não é um ar-condicionado e portanto não pode substituir o mesmo. A sua função é garantir o trabalho de um ar-condicionado, impedindo variações climáticas externas para não forçar o compressor. 

Além disso, a cortina de ar serve como um escudo contra insetos, poeira, fumaça e odores. Ajudando a manter a limpeza do ambiente. 

Tipos de ar-condicionado e funções 

Todo ar-condicionado tem a mesma função, que é climatizar o ambiente. Porém, cada tipo tem a sua própria funcionalidade e características únicas que os tornam ideais para cada situação. 

Colocar um ar-condicionado com características residenciais não seria uma boa escolha para um ambiente comercial, podendo até mesmo prejudicar o funcionamento do aparelho. Por isso, é importante saber para qual necessidade é indicado cada tipo de ar-condicionado. 

Climatização residencial

Para quem pretende climatizar a residência, existem alguns tipos de ar-condicionado que são os mais recomendados

Se a sua intenção é se refrescar, buscando algo mais individual, o ar-condicionado portátil é a melhor opção. Já que ele vai satisfazer a sua necessidade de climatização e ainda vai proporcionar mobilidade, assim você pode levar o aparelho para o ambiente que quiser.

Para quem precisa refrigerar todo um ambiente a melhor opção é um modelo de split, já que esse é o ar-condicionado mais versátil, composto por vários sub-categorias. Não é à toa que é o tipo mais escolhido pelos consumidores. 

Os ares condicionados split são muito versáteis e podem satisfazer em diversas situações. Em um apartamento em que se deseja climatizar todos os cômodos, o multisplit é o produto ideal. Já em uma casa com uma sala muito ampla, o cassete pode atender bem toda a climatização do ambiente. 

Climatização comercial 

Assim como em casas, cada ambiente comercial tem suas próprias características, exigindo um tipo de ar-condicionado e uma potência diferente. 

Para quem precisa climatizar um grande salão ou um amplo ambiente comercial, o ar-condicionado split piso teto é o mais recomendado. O piso teto pode contar com até 80.000 BTU’s de potência. 

Se você precisa de um ar-condicionado eficiente, mas de discrição, o cassete é ideal para climatizar o ambiente sem ocupar espaço na decoração. Por ser embutido no teto, ele passa despercebido da visão e ele ainda conta com uma capacidade de climatização muito mais completa. 

Verifique qual a sua necessidade antes de escolher

Existem tipos de ar-condicionado ideais para cada situação, e o maior desafio é conseguir escolher o melhor aparelho. 

Entender cada tipo é um passo muito importante em direção a escolha certa, para recapitular e facilitar o entendimento: 

  • Ar-Condicionado de Janela: modelo clássico, que é embutido na parede ou em uma janela. Possui uma tecnologia mais antiga, por isso consome mais energia e faz mais ruído. 
  • Ar-Condicionado Portátil: sua maior vantagem é a praticidade e a mobilidade, pois ele não requer nenhuma instalação.
  • Ar-Condicionado Split: esse é o modelo mais comum, é composto por uma condensadora e uma evaporadora. Além de contar com tecnologia convencional ou inverter, o split ainda tem diversos modelos, como o multi split, piso teto e cassete.

Muitos desses tipos de ares-condicionados acabam sendo versáteis, podendo ser usados tanto em casas quanto em comércios. Basta conhecer a necessidade para procurar um produto ideal para você. 

Não se esqueça de dar preferência para uma marca que seja respeitada no mercado, como a Elgin. A qualidade do produto e a sua garantia são essenciais para que você possa escolher o tipo de ar-condicionado certo para a sua necessidade. 

Gostou? Confira outros textos no blog

Conecte-se com a Elgin

Cadastre-se e receba novidades e promoções por e-mail.