Energia Limpa: o que é, tipos e como produzir?

Caio Alves - 05/06/2020

Ionização do ar: o que é, para que serve e como funciona

Caio Alves - 05/06/2020

O que é terminal de autoatendimento: tipos e como instalar

Caio Alves - 05/06/2020
energia limpa
terminal-de-autoatendimento-blog

Você sabe o que é terminal de autoatendimento? Bom, saiba que essa tecnologia está revolucionando a maneira como interagimos e compramos

Você já foi em algum fast food e realizou seu pedido por meio de algum totem? Se não, pelo menos você já deve ter visto em algum desses restaurantes. 

Bom, esse totem em que os pedidos são realizados é um terminal de autoatendimento

Para muitas pessoas, esse já se tornou é o método preferido para realizar compras. 

O que é um terminal de autoatendimento? 

De forma técnica, um terminal de autoatendimento é uma máquina que é utilizada pelo próprio usuário (cliente), excluindo a necessidade de contato humano para realizar uma consulta ou finalizar uma compra. 

Existem diversos tipos de uso para o terminal de autoatendimento, ele pode ser usado para distribuir senhas, fazer check-in no aeroporto, consultar informações sobre o estabelecimento ou realizar checkout. 

Existem terminais de autoatendimento para cada necessidade de cada negócio. 

Como funciona um autoatendimento? 

Um autoatendimento para funcionar precisa de duas partes, o hardware (a máquina) e o software (a interação que o cliente irá utilizar)

Geralmente no formato de um totem, o autoatendimento possui uma tela touch screen em que o usuário interage para realizar as atividades desejadas. 

Uma outra parte importante também é a necessidade, na maioria dos casos, é a impressora térmica. Nela poderão ser impresso as senhas, comprovantes, tickets entre outros. 

No caso de Self Checkouts, a integração com um sistema de pagamento também é muito importante. Nessa situação, é imprescindível que haja uma máquina de pagamento também. 

Para que serve um terminal de autoatendimento? 

De maneira resumida, um terminal de autoatendimento serve para automatizar um estabelecimento comercial

O papel dele é facilitar algumas atividades dentro de uma organização, como por exemplo, a distribuição de senhas. Com um terminal de autoatendimento distribuindo senhas, você pode realocar os seus colaboradores para realizarem atividades mais importantes. 

Além disso, o terminal de autoatendimento também serve para facilitar a experiência do cliente dentro do estabelecimento

terminal de autoatendimento

Quais as vantagens do terminal de autoatendimento?

Como vimos anteriormente, o autoatendimento possui funções muito importantes. Mas quais vantagens ele pode agregar para o seu negócio?

Automação e otimização 

Por ser uma modelo de automação, o terminal de autoatendimento otimiza muitos processos da empresa, tornando muito mais ágeis e rápidos, tanto para os clientes quanto para os colaboradores. 

Por exemplo, um totem com painel de informação que responde dúvidas facilita o trabalho de todos. 

Assim, os colaboradores têm seu tempo otimizado graças a automação. 

Diminuição de custos operacionais 

Com os funcionários se dedicando a tarefas mais importantes, alguns custos podem diminuir

Usando um exemplo acima, um totem com painel de informação faz com que os usuários não precisem entrar em contato com os funcionários, dessa forma você não precisa disponibilizar uma estrutura para essa atividade.

Aumenta o reconhecimento da sua empresa

Apesar de ser uma tecnologia muito usada em países como Estados Unidos, no Brasil ainda é uma tecnologia nova. 

Por ser uma novidade, isso gera curiosidade em muitas pessoas, que ficam interessadas em conhecer e testar os terminais de autoatendimento. 

Dessa forma, seu estabelecimento pode ganhar mais reconhecimento dos consumidores. Bem como ser considerada uma empresa inovadora, que busca as melhores soluções em tecnologia.

E como consequência ter um aumento no faturamento. Businesswoman Commuting To Work Buying Train Ticket From Self Service Machine

Tipos de terminais de autoatendimento

Existem diversos tipos de terminais de autoatendimento,  de acordo com a necessidade da sua empresa. Conheça alguns desses tipos. 

Self Checkout 

O Self Checkout ainda é o tipo menos usado no Brasil, porém, tem um grande potencial de mercado. Esse tipo é basicamente uma alternativa ao operador de caixa. 

Um terminal automatizado para registrar as compras e realizar o pagamento, dando muito mais agilidade e segurança para o cliente. 

A utilização de um self-checkout garante mais agilidade no processo de compras e praticidade. Com essa tecnologia, o trabalho fica ainda mais produtivo por parte do varejo.

E nada melhor do que entregar autonomia para clientes que frequentemente utilizam  ferramentas tecnológicas, fazendo pedidos e compras pelos smartphones via aplicativos.

Terminais de consulta

Esse é o tipo mais comum no Brasil, é possível encontrar ele em diversos estabelecimentos. 

Podendo ser utilizado como um local para consultar informações em shoppings, aeroportos, clínicas de exame e em muitos outros lugares. 

Em alguns casos, o terminal de consulta também pode ter uma impressora térmica, que imprima tickets ou senhas para a distribuição.

Terminais bancários

Os terminais bancários já são muito conhecidos por todos. Também conhecidos como caixa eletrônico. 

Esse tipo de terminal de autoatendimento é usado para realizar serviços bancários como consulta de saldo, pagamento de boletos, transferências, depósitos e saques. 

terminal de autoatendimento-elgin

Como instalar um terminal de autoatendimento no meu estabelecimento? 

Para instalar um terminal de autoatendimento, você precisa de uma empresa especializada, que ofereça os terminais e realize as instalações. 

Além disso, é preciso escolher bem, um terminal que tem tenha uma boa estrutura e bom software que vá atender bem seu estabelecimento e seus clientes, que seja intuitivo e que não abra espaço para dificuldades. 

É muito importante que o terminal de autoatendimento tenha credibilidade, sendo representado por uma empresa de reconhecimento no mercado, como é a Elgin.

Avalie quem é o fabricante e busque por fornecedores que sejam referência em seu estado ou nacionalmente. Além de contar com produtos de qualidade, você deve confiar no serviço da empresa contratada.

Faça uma análise de qual é o melhor local para instalá-lo em sua loja. 

É muito importante que, além de boa localização, haja sinalização orientando os clientes a chegarem e utilizarem o self-checkout. 

Placas e sinalizadores ajudam a criar um ambiente organizado que resulte em familiaridade para o consumidor.

Conclusão: o terminal de autoatendimento é uma evolução para o seu negócio 

Os terminais de autoatendimento são ótimos para quem deseja otimizar e automatizar algumas atividades do negócio

Com os diversos tipos de terminais, é possível atender diferentes demandas da empresa. Seja um para um terminal de pagamento (ou self checkout), um terminal de consulta ou terminal bancário. 

Além disso, o terminal de autoatendimento também oferece vantagens como a redução de custos operacionais e o aumento de reconhecimento da marca

Se você acredita que o terminal de autoatendimento é uma ótima ideia para sua empresa, a Elgin tem as melhores soluções de terminais e automação comercial. 

Gostou do texto? Encontre mais conteúdos como este em nosso blog!