Ter um ar-condicionado faz mal à sua saúde?

Guilherme Neves - 20/02/2020

Como ter um ar-condicionado mais econômico?

Guilherme Neves - 20/02/2020

Aprenda tudo sobre inversor solar

Guilherme Neves - 20/02/2020
ar-condicionado-economico
imagem de uma placa solar.

Um aparelho responsável por transformar a corrente contínua em corrente alternada. Uma caixa metálica que integra de forma eficaz um sistema fotovoltaico e é um dos elementos mais importantes para a projeção da energia solar. Esse é o inversor solar.

Responsável pela otimização de energia produzida, o inversor garante a segurança de todo o sistema, realiza monitoramento e pode possuir ou não um transformador em seu interior, o que reduz seu consumo energético.

A energia que sai do inversor solar é distribuída para sua casa e pode ser usada para TVs, aparelhos de som, computadores e lâmpadas. Isso quer dizer, tudo aquilo que usa energia elétrica e estiver conectado na tomada.

Mas como funciona o processo? Quando os coletores solares captam os raios de sol e geram a energia fotovoltaica, ela ainda não pode ser utilizada. Isso porque a corrente formada é do tipo contínua (CC), enquanto o padrão adotado no uso doméstico é alternada (CA). É preciso, então, converter essa corrente para que a energia fotovoltaica seja usável.

Como funciona o inversor solar?

Durante o processo, o equipamento conta com o trabalho dos interruptores e das chaves eletrônicas, que podem ser transistores do tipo IGBT (Transistor Bipolar de Porta Isolada), IGCT (Portão Integrado Controlado) ou MOSFET (Transistor de Efeito de Campo Metal – óxido – semicondutor.

O trabalho do inversor é fundamental para a formação da energia solar.

Como o inversor solar é instalado?

Embora não exista um local específico para a instalação dos inversores, deve-se levar em consideração alguns detalhes que podem ajudar na escolha do melhor local.

Como o inversor é desenvolvido para trabalhar em ambientes expostos ao tempo, é fundamental verificar o seu grau de proteção. A NBR IEC 60529 – Graus de proteção para invólucros de equipamentos elétricos (código IP) pode selecionar o IP ideal para cada ambiente. E normalmente em locais abertos, é recomendável o mínimo IP55, resistente a poeira e jatos de água.

Em empresas e residências, evite a instalação dos inversores distante dos módulos fotovoltaicos e do quadro de distribuição. Quanto maior a distância, maior será o comprimento e a seção dos cabos.

Inversor solar peça fundamental de um sistema fotovoltaico.

Com esse inversor solar, você garante a capação de energia limpa

Qual é o inversor solar mais utilizado?

Sem dúvida, o modelo on grid é o mais utilizado. Ele é conectado ao sistema de energia elétrica. Trata-se de uma conexão onde a corrente excedente é direcionada para a linha da distribuidora.

O modelo oferece a melhor utilização da energia para um sistema sem armazenamento e possui recursos específicos de segurança — o que acontece quando se alinha aos parâmetros da rede, o que garante que o funcionamento seja interrompido quando há uma queda de luz.

Como calcular a potência ideal (kWp) do inversor solar?

Depende da potência (Watts) desejada. Por exemplo, caso você esteja instalando um sistema de 4.0kw em seu telhado sem a intenção de aumentar o número de painéis (aumentar a capacidade de geração do sistema), a instalação de um inversor solar de 4.0kw seria o mais indicado.

Por outro lado caso queira instalar um sistema solar de 4.0kw e pretende instalar mais painéis no futuro, pode-se optar por um inversor solar maior, como um de 5.0kW ou mesmo um 6.0kW. No entanto, certifique-se que você tem o espaço em seu telhado para os painéis extras antes de buscar por um inversor de maior robustez.

Qual a vida útil de um inversor solar?

Pode-se dizer que a maioria dos inversores têm uma garantia dos fabricantes de cinco anos, podendo ser estendida por até 10 anos. Após este período, deve-se fazer uma análise de seu funcionamento e caso necessário realizar a troca do equipamento.

Já existem dispositivos avançados que proporcionam proteção adequada para que seja possível oferecer vida útil ao aparelho. Com os avanços da tecnologia nos últimos anos, os inversores solares foram cada vez mais ganhando novas funções.

Investir na atualização do inversor é uma boa alternativa para garantir que o sistema fotovoltaico ofereça a melhor performance possível.

Fique atento quanto às temperaturas. Quando em condições quentes, elas podem afetar o tempo de vida de um inversor solar. Com isso pode ser mais do que necessário recorrer a mecanismos de resfriamento em condições mais extremas.

É importante também verificar as condições em em que se encontram equipamentos desse tipo. A questão da qualidade deve ser analisada neste caso.

Quais são os cuidados e proteções que o inversor necessita?

Cuidados devem ser tomados em relação a qualquer tipo de produto. Ainda mais quando as precauções se referem ao inversor solar.

O inversor conta com um sistema de segurança que evita danos caso os cabos dos módulos fotovoltaicos estejam ligados com a polaridade invertida.

O inversor pode queimar? Durante o processo de dimensionamento do sistema fotovoltaico, fique atento para que a tensão do conjunto de placas fotovoltaicas conectada no inversor não seja superior a sua máxima tensão de entrada. Isso ocasiona a queima do inversor.

Para ter uma melhor proteção do sistema fotovoltaico, deve-se utilizar a instalação de uma caixa denominada string box, que fica próxima dos inversores. Com ela, são instalados fusíveis ou disjuntores, chaves seccionadoras e dispositivos contra surtos (DPS), que tem a finalidade de proteger tanto o lado de corrente contínua (entrada do inversor), quanto ao lado de corrente alternada (saída do inversor para o quadro de distribuição).

Leia também:

Como instalar energia solar na sua casa ou empresa 

Como fazer projetos de iluminação com painéis LED?

Saiba tudo sobre manutenção

Como acertar na compra de um inversor solar?

A maioria dos inversores solares comercializados no Brasil são de qualidade. Fique por dentro de alguns critérios que podem definir a melhor escolha, como: qualidade, confiabilidade, suporte, assistência técnica, características do equipamento, garantia, monitoramento e preço.

Inversor solar com ou sem transformador?

Quer ter menos calor e adaptá-lo em áreas fechadas? O inversor solar sem transformador por ser mais leve é ideal para este cenário. Além de ser também mais eficiente no processo de conversão de corrente contínua para corrente alternada.

No Brasil, existem diversas distribuidoras que exigem o uso de inversores com transformador. Para fazer a escolha certa, entre em contato com seu instalador e veja o modelo ideal para você.

Eficiência do inversor solar

Como podemos verificar a eficiência do inversor? Sabe-se que ela é medida em %, o que indica o quão eficiente este inversor é em converter a energia solar de corrente contínua (CC) para corrente alternada (CA), a fim de ser usada na sua casa ou em ambientes corporativos.

A eficiência de um inversor solar para sistemas conectados à rede pode apresentar valores diferentes. Pode variar de 50 a 90%. O ideal é dimensionar o inversor para que se tenha uma eficiência acima dos 90%.

Proteção contra água e poeira

A proteção é destacada pela norma NBR IEC 60529 – Graus de proteção para invólucros de equipamentos elétricos (códigos IP). Essa questão é de vital importância.

Caso seu inversor solar for instalado em local aberto, há diversos graus de proteção. O mais aconselhável, para locais abertos, é utilizar o inversor com grau de proteção a partir de IP 55.

Conexão do inversor solar com o computador

Já imaginou conectar o inversor com o seu computador? Que tal utilizá-lo para monitorar o desempenho do sistema em tempo real, de qualquer lugar do mundo, gerando gráficos e comparações?

No entanto, como as maiorias dos inversores solares possuem um display onde você pode monitorar o desempenho do sistema, essa conectividade pode se tornar dispensável em alguns casos.

Qualidade e garantia do fabricante

Os inversores podem ter garantia de cinco anos e até mesmo de dez anos. O importante, além da garantia, é que ele seja fabricado por um empresa de reputação comprovada e com garantia nacional.

Inversor solar é a garantia de energia na sua residência.

Para que um sistema fotovoltaico funcione é fundamental contar o inversor solar

Quanto custa um inversor solar?

O inversor solar é um componente que integra todo um sistema fotovoltaico. Ou seja, não costuma ser vendido separadamente.

Painéis, estrutura de fixação, string box, materiais elétricos, instalação e projeto fazem parte do pacote.

Mas se analisamos o seu valor de forma separada, ele pode variar conforme a potência nominal. E quanto maior for o dispositivo, mais baixo é o preço pela potência.

Como funciona o sistema on grid?

Sistemas de microgeração e minigeração conta com inversores on grid ou string inverters. Ele fornece corrente elétrica alternada em sua saída e opera sincronizado com a rede elétrica, onde esta passa a servir como referência de tensão e frequência.

O que é um inversor solar off grid?

São utilizados em sistemas autônomos e desconectados da rede elétrica como em algumas embarcações. Considere-se a utilização de um banco de baterias para armazenamento da energia gerada para esse tipo de inversor.

Existem vários tipos de inversores off grid com uma grande variedade de potências e com tensões de entrada. São elas: 12V, 24V ou 48V.

Qual é a importância do micro inversor?

O micro inversor solar possui a mesma função do inversor convencional. Visa transformar a energia elétrica produzida pelos painéis solares de corrente contínua para corrente alternada.

Há diferença entre o inversor e o micro inversor. Enquanto o micro inversor atende painéis solares individualmente, os inversores solares atendem uma série de painéis de uma só vez.

Quanto vale 1 kWp?

O kWp é medido através da potência de um painel fotovoltaico e quilo watt pico é o máximo de energia produzida em condições ideais.

Para que serve o MPPT?

Uma função muito importante que a maioria dos inversores apresentam é conhecida como rastreamento do ponto de máxima potência (MPPT – Maximum Power Point Tracking).

O MPPT assegura que instantaneamente o inversor extraia a máxima potência dos módulos fotovoltaicos, o que varia o valor de sua tensão de operação até o ponto em que o resultado da multiplicação da tensão com a corrente forneça a maior potência naquele determinado momento.

Sombreamento em painéis é um problema recorrente na geração de energia fotovoltaica. Isso ocorre quando um único módulo fica comprometido com o funcionamento do método de MPPT e da geração de energia de todo string box.

O que significa ilhamento na rede?

Uma rede com diversos geradores distribuídos conectados pode melhorar a eficiência energética e reduzir o impacto negativo na rede elétrica. Um problema que pode ocorrer é quando o fornecimento de energia principal fica desconectado do sistema, resultando em um ilhamento.

Quanto tempo dura um sistema fotovoltaico?

Considerando todos os equipamentos do Kit de Energia Solar, o tempo de vida de um sistema de energia fotovoltaica ligado à rede de transmissão energética pode atingir um período de 30 a 40 anos.

A Elgin disponibiliza um Kit Solar que possibilita reduzir o valor da sua conta em até 95%. É a hora de optar por renovar essa energia!

Inversor e o sistema fotovoltaico.

Inversor tem papel essencial para geração de energia solar

Inversor Solar

Com potências de 20KW, 30KW, 50KW e 75KW, o inversor solar é utilizado para conexão na rede (On-Grid) e converte a energia das placas solares de corrente contínua para corrente alternada (utilizada nas residências, escritórios e comércio).

Inversor solar, um dos principais equipamentos que compõe o kit solar.

Micro inversores

Os micro inversores possuem MPPT individual por entrada, 10 anos de garantia e comunicação via PLC para monitoramento pela internet. Com potências de 600W (micro inversor para até 2 placas, máxima potência de saída de 600W, suporta até 16 placas (8x Elgin 600) e 1300W (micro inversor para até 4 placas, máxima potência de saída de 1300W, suporta até 16 placas.

Micro inversor (potências de 600w e 1300w)

Conclusão: Inversor solar, a eficiência de energia que você precisa

O inversor solar é um dos principais componentes do kit de energia solar. Sua função é inverter a energia elétrica gerada pelos painéis, de corrente contínua (CC) para corrente alternada (CA). E seu papel secundário é garantir a segurança do sistema e medir a energia produzida pelos painéis solares.

É preciso que a instalação elétrica deva ser feita com eletrodutos para os cabos, fixação adequada dos quadros elétricos,  altura adequada para a fixação do inversor e string-box.

Sendo fundamental contar com o trabalho de um profissional credenciado. Afinal, é um trabalho de muita responsabilidade que pode trazer consequências tanto positivas quanto negativas, caso seja instalado incorretamente.

Manutenção. O inversor não requer inspeção frequente, já que trabalha automaticamente, ao ligar e desligar no começo e fim do dia, contando com a radiação solar.

Algumas distribuidoras exigem a fixação do inversor fotovoltaico próximo ao “padrão de luz” da edificação, o que pode não ser adequado em muitas situações. Não são todos os modelos de inversor solar que podem ser instalados externamente, uma vez que não são vedados para a entrada de água.

Em residências, o inversor solar é instalado perto do quadro de luz ou em um local abrigado do sol, do calor e da água. Em mini-usinas (mini-geração distribuída) comerciais e industriais é possível construir uma sala somente para eles.

O mais utilizado é conhecido como inversor on grid. É um tipo de inversor que serve para conectar o seu sistema fotovoltaico de energia solar na rede elétrica.

Investir em energia solar é a solução para que você reduza sua conta de energia elétrica e contribua para o bem do meio ambiente. Mas para que isso aconteça é de vital importância conhecer toda sua energia ao acessar o nosso site.  Calcule a sua economia e saiba mais sobre o Kit Solar da Elgin.

Não se esqueça de que quanto maior a eficiência do seu inversor solar, mais energia gerada pelos painéis fotovoltaicos. E quanto mais confiável, menor é o seu risco de ter algum problema com o inversor.

Gostou do texto? Confira outros conteúdos em nosso blog!