Energia Solar 10/11/2017 | 1 min. de leitura

Bandeiras tarifárias alteram o valor das contas de energia elétrica – saiba como funciona!

Imagem meramente ilustrativa (Banco de imagens: Shutterstock)

Você deve ter notado que sua conta de energia elétrica apresentou um valor mais alto do que o normal, no último mês. Isso se deve à bandeira vermelha, tão falada atualmente. Mas afinal… como funcionam as tais bandeiras tarifárias? Por que esse aumento tão evidente? Nós explicamos para você!

Em 2015 foi criado pela ANEEL – Agência Nacional de Energia Elétrica – o Sistema de Bandeiras Tarifárias. Esse esquema leva em consideração as condições e os custos relativos à geração de energia elétrica e repassa o valor ao consumidor. São 3 bandeiras: Verde, Amarela e Vermelha, sendo que a última tem duas variações – Patamar 1 e Patamar 2.

No dia 24 de outubro foi aprovada pela diretoria da ANEEL uma audiência pública para discutir a revisão das bandeiras e dos valores. Até o dia 11 de dezembro sugestões poderão ser enviadas, porém os valores abaixo já entrarão em vigor no mês de novembro:

shutterstock_377385064_bx-02Bandeira Verde

Condições de geração de energia favoráveis. Não há acréscimo à tarifa.

 

shutterstock_377385064_bx-03Bandeira Amarela

As condições são menos favoráveis. O acréscimo é de R$1,00 a cada 100 kWh consumidos.

 

Bandeira Vermshutterstock_377385064_bx-01elha Patamar 1

A geração é mais custosa. O acréscimo é de R$3,00 a cada 100 kWh consumidos.

 

 

shutterstock_377385064_bx-01Bandeira Vermelha Patamar 2

Nessa bandeira, as condições de geração são ainda mais custosas. O acréscimo é de R$5,00 a cada 100 kWh consumidos.

 

 

Para mais detalhes sobre a revisão das bandeiras tarifárias visite: http://www.aneel.gov.br/sala-de-imprensa-exibicao-2/-/asset_publisher/zXQREz8EVlZ6/content/aneel-propoe-revisao-das-bandeiras-tarifarias/656877?inheritRedirect=false&redirect=http%3A%2F%2Fwww.aneel.gov.br%2Fsala-de-imprensa-exibicao-2%3Fp_p_id%3D101_INSTANCE_zXQREz8EVlZ6%26p_p_lifecycle%3D0%26p_p_state%3Dnormal%26p_p_mode%3Dview%26p_p_col_id%3Dcolumn-2%26p_p_col_pos%3D2%26p_p_col_count%3D3.

 

Como não se prejudicar?

Ao utilizar um Kit Solar, com tecnologia On-Grid, você pode economizar até 95%. Por não ter baterias para armazenamento, a energia gerada é convertida para corrente alternada através do inversor, criando-se assim, uma fonte de energia complementar à da concessionária. Já o excedente é transformado em créditos em sua conta de energia.

PACK

Acesse e conheça toda a linha de produtos para energia solar da Elgin!

Gostou? Confira outros textos no blog!

Conecte-se com a Elgin

Cadastre-se e receba novidades e promoções por e-mail.