Tudo sobre decoração e iluminação

Caio Alves - 31/07/2020

Máquina de costura industrial: tudo o que você precisa saber

Caio Alves - 31/07/2020

Projeto Segmentação: Supermercados

Caio Alves - 31/07/2020
decoração-iluminação

O setor de supermercados representa um faturamento bruto anual de 378,3 bilhões de reais e 5,2% do PIB do país. Mesmo com a situação atual no Brasil e no mundo, as vendas de auto serviço do setor estão em alta de 15% em fevereiro de 2020 sobre o ano anterior.

Atualmente no Brasil já existem mais de 89 mil lojas de auto serviço somando mais de 227 mil checkouts. As 20 maiores empresas do setor representam 52% do faturamento anual distribuídos em cerca de 2.700 lojas pelo país.

O segmento registrou a geração de mais de 28 mil empregos em relação ao ano anterior.

Para manter-se no segmento é imprescindível que a administração e gestão sejam impecáveis.

O destaque no mercado se dá através dos preços atrativos, qualidade e, principalmente, da eficiência e eficácia no atendimento ao cliente.

Para ocorrer o funcionamento da loja com excelência, é necessário que haja uma boa implantação de hardware que considere as demandas e requisitos de todos os componentes/ participantes do ambiente de negócio.

Além da organização e estrutura para fornecer o atendimento ideal, é necessário que o setor acompanhe as tendências de seus consumidores, que estão se tornando cada vez mais práticos e seletivos na escolha das lojas.

Segundo estudo da GFK, os principais fatores que o levam a escolher o ponto de compra são, respectivamente: proximidade, horário de funcionamento, preços baixos e os produtos oferecidos.

Para nós da Bematech Elgin, a prioridade é que suas operações estejam sempre eficientes e facilitando a vida de todos os envolvidos nos processos comerciais.

Essa é nossa maneira de pensar e criar equipamentos focados nas necessidades do setor de supermercados.

Confira abaixo os ambientes de negócio e como nosso portfólio pode ajudar sua operação:

CHECKOUT

Envolve diretamente o fechamento do atendimento. Sua agilidade depende do software, do hardware e do meio de pagamento escolhido.

Afeta diretamente no retorno do cliente e geração de fidelidade com os consumidores.

Conheça algumas tecnologias disponíveis para este ambiente:

A frente de caixa basicamente é composta de um Computador, um Monitor, uma Impressora de Recibos ou de uma Solução Fiscal, além de Leitores de Código de Barras e Gaveta de Dinheiro.

O ponto de venda é composto por diversos equipamentos e, se a maior parte deles for do mesmo fabricante, a operação é mais robusta e sem interferências.

Uma solução que vem conquistando a atenção de todos são os Terminais de Autoatendimento.

É cada vez mais comum encontrá-los em locais como shoppings, cinemas, estacionamentos e até mesmo em supermercados. Grande parte desses equipamentos são utilizados como emissores de senha para locais com atendimento por ordem de chegada, como por exemplo, os bancos e padarias.

Também é utilizado como correspondente bancário para pagamentos de contas e boletos e consulta de satisfação com o atendimento e/ou estabelecimento.

ESTOQUE

Envolve diretamente o fechamento do atendimento. Sua agilidade depende do software e do hardware escolhidos. Afeta diretamente no retorno do cliente e geração de fidelidade com os consumidores.

Conheça algumas tecnologias disponíveis para este ambiente:

Hardwares como Computadores e Monitores auxiliam na gestão do estoque. O Leitor de Código de Barras é fundamental para trazer agilidade e pode ser utilizado para a leitura dos códigos nas embalagens dos produtos, gerando assim, um controle de estoque preciso.

ADMINISTRAÇÃO

A compra do software e do hardware é realizada pelo proprietário em casos de mini mercados. Em redes de franquias há uma área de infraestrutura que realiza as homologações e indica as soluções adotadas.

Além disso, é na administração que a gestão do negócio acontece: recebimentos, pagamentos, marketing, logística e recursos humanos.

Conheça algumas tecnologias disponíveis para este ambiente:

Computadores e Monitores para atividades administrativas e um leitor de código de barras para a leitura de boletos, DANFEs, entrada de NF, entre outras atividades.

A presença de scanners, impressoras de documentos e Leitor MSR também são facilitadores dos processos administrativos.